Membro de girlgroup visita sex shop coreano, aprende sobre brinquedos sexuais e gasta mais de 400 dólares

Em um upload no seu canal no YouTube, a integrante do Crayon Pop, Ellin, mostrou aos fãs sua visita ao sex shop da sua vizinhança, onde aprendeu sobre vários brinquedos sexuais.

Ela afirmou que foi até o local para revelar coisas sobre as quais muita gente estava curiosa: afinal, o que há dentro de uma sex shop? Ela continuou, afirmando que os tempos atuais são diferentes dos antigos, quando as pessoas sentiam certo constrangimento ao entrarem em sex shops. Com a ajuda da gerente da loja, para explicar para quê cada brinquedo servia, ela iniciou sua “tour”.

Ellin revelou que o interior da loja não era como ela esperava. Na realidade era bem bonita e parecia até mesmo uma loja de maquiagem.

Indo até os vibradores, Ellin descreveu um vibrador em particular como um “maravilhoso amigo”.

Ellin: Estes são fofos!
Gerente: Se você apertar o nariz, ele vai ligar!
Gerente: Você pode utilizar um lado para estimular o seu clítoris e o outro lado dentro da vagina.
Ellin: Wow interessante… e tem uma aparência fofa.
Ellin: Mas é realmente um amigo, maravilhoso amigo.

Um outro vibrador chamou a atenção da artista por causa de seu formato curioso.

Ellin: Qual é este? Parece um submarino!
Gerente: Se você pressionar isto, a coisa gira. E a ponta vibra.
Gerente: Se você colocar o vibrador dentro da sua vagina, a parte que gira vai estimular seu clítoris.
Ellin: Tô chocada! Produtos assim existem?
Gerente: Se você comprar um desses, não precisará mais de um namorado.
Ellin: Não é para as pessoas que ficarão sempre solteiras?
Ellin: Ah, é legal… quanto custa?

A gerente também mostrou a Ellin o seu produto favorito, explicando que a ponta do vibrador rotaciona. Quando ela perguntou a gerente se ela já havia comprado um, a gerente confirmou que tinha um também.

Ellin: Você comprou um?
Gerente: Claro que eu tenho um! Existe alguém sem um desses hoje em dia?
Ellin: Ah, sério? Então eu poderia comprar um também, certo?
Gerente: Claro, esse é a tendência ultimamente.

Indo até o segundo piso da loja, Ellin deu uma olhada em vários apetrechos utilizados para bondage e SM (sadismo e masoquismo), incluindo coleiras, correias e chicotes.

A gerente também mostrou a Ellin clipes de mamilo, e explicou que eles podem ser usados tanto por homens quanto mulheres. Ela também mostrou algemas, e explicou como elas poderiam ser usadas para melhorar a vida sexual de alguém.

Gerente: Elas são macias e não machucam, mas são algo que pode ser confortável e sexy quando usadas.
Ellin: A cor parece bem sexy.
Gerente: A parte especial delas é que você pode realmente fazer (sexo) dessa forma.
Ellin: Ah não!
Gerente: Você tambem pode separá-las e colocar cada mão acima da cama.
Ellin: Omo! Na cama?
Gerente: Você também pode ligar as algemas à coleira ou às correias, ou atá-las nas suas costas.

Ellin também mostrou um plugue anal com cauda de raposa.

Próximo ao fim da tour, Ellin foi levada até a área onde estavam os apetrechos para homens que queiram se satisfazer sozinhos, o que é possível graças aos avanços tecnológicos e ao talento das atrizes de VA (vídeo adulto) japonesas.

Ellin: Mas algo assim… como os homens usam?
Gerente: Você pode tocar com suas próprias mãos para ver.
Ellin: Eu?
Gerente: Claro! Já que você está aqui…
Ellin: É verdade. Estou curiosa, será que eu deveria tentar uma vez? Eu queria tocar um bumbum desses também. Realmente parece um bumbum humano.
Gerente: É muito macio, né? O silicone hoje em dia é de alta qualidade.
Ellin: São todos destinados a gostos (fetiches) diferentes?
Gerente: Isso mesmo! Todos diferentes. Tem pessoas que preferem atrizes de VA (vídeo adulto) diferentes. Existem atrizes de hentai e também atrizes que participam na criação dos seus próprios [filmes].

O último conjunto de itens que ela viu foram os dildos, e a reação de Ellin foi de completo choque:

Ellin: Esse é realmente o de uma pessoa?
Gerente: As estrangeiras são todas assim.
Ellin: As estrangeiras… são… assim? Wow isso é chocante. Isso não se compara aos “sentimentos” coreanos.
Gerente: Não se compara. As estrangeiras procuram pelos maiores.
Ellin: Isso é realmente impressionante. Como elas aguentam. Mas também me sinto mal por elas.

Na tela final, Ellin revela que gastou cerca de $440 dólares (por volta de R$ 1.730,00) naquele mesmo dia na loja. Muitos fãs pediram a Ellin que fizesse um novo vídeo mostrando o que ela havia comprado na ocasião.

Assista as duas partes da aventura de Eileen nos links abaixo:


FONTE: Koreaboo + 하이엘린 [hiellin]
Tradução e Adaptação: Jô Mesquita