HyunA faz desabafo público sobre saúde mental

Reprodução/ Instagram

Na última quinta-feira, 28, a cantora HyunA compartilhou em sua conta do Instagram um texto emocionante e honesto, desabafando sobre como vem se sentindo e tratando de sua saúde mental.


A cantora relatou estar tratando a depressão, síndrome do pânico, além de ter recebido recentemente o diagnóstico de Síndrome Vasovagal, acarretada por estresses extremos e cansaço. Alguns dos sintomas mais comuns são fraqueza, visão turva, sudorese e desmaios frequentes, visto que há diminuição da pressão arterial e batimentos cardíacos.

Leia o texto traduzido na íntegra:

“Oi, olá, meus e todos que vêm me apoiando. Não estou certa de que essa é a escolha certa, mas venho pensando muito sobre isso e decidi dividir.

Para ser franca, tenho sonhado em estar no palco desde pequena. De alguma forma, fiz meu sonho se tornar realidade e recebi muito amor e atenção enquanto crescia. Sempre tive muitas oportunidades, então sempre fui grata e, honestamente, isso me animava. As vezes me sentia desolada por isso. O tempo passou e me tornei adulta, e entendi que precisava assumir a responsabilidade por todos os meus atos, não poderia cometer erros ou enfrentaria consequências. Queria ser escolhida por todos, por isso continuei correndo gananciosamente. Nunca percebi que estava mal, pensava estar bem pois tinha pessoas à minha volta, e meus fãs estavam me apoiando.

Depois de adiar por anos para ir à uma consulta com o médico, finalmente fui em 2016 e fiquei chocada ao ouvir que tinha depressão e síndrome do pânico. Tinha um corpo saudável, tomava remédios para resfriado sempre que necessário, o diagnóstico parecia inacreditável. Acho que o desacreditei por cerca de um ano. Agora, recebo tratamento a cada duas semanas, e tento não pensar negativamente sobre isso, já que tantos de vocês estão me apoiando. Mas então, um dia, a visão começou a desfocar e desmaiei. Isso aconteceu mais algumas vezes. Pensei que fosse um dos ataques de pânico causados pela ansiedade, analisaram minhas ondas cerebrais em um centro médico universitário. Fui diagnosticada com Síndrome Vasovagal. A princípio, fiquei devastada e não queria compartilhar isso com ninguém. Queria estar nos palcos. Pensei que ninguém me contrataria se desmaiasse com frequência ou soubessem que estava doente.

Naturalmente, mantive o segredo por muito tempo. Me sentia culpada por todos que confiavam e me contratavam para fazer comerciais ou performar em palcos. Tenho trabalhado muito na coragem, para ser honesta com quem sou e com o que estou passando. Farei o meu melhor para continuar sendo positiva, mas acredito que ninguém pode ser perfeito. Acho que não é tarde demais para me amar e cuidar bem de mim mesma. De agora em diante serei honesta e corajosa. Obrigada por ler isso.”


View this post on Instagram

안녕 안녕하세요 우리 팬들 아잉 또는 저를 좋아해 주시고 관심 가져주시는 많은 분들 이게 맞는 선택일지 아닐지는 저도 모르겠지만 많이 생각하고 또 생각해 선택한 것이기에 진짜 제 이야기를 해 볼까 해요 사실 저는 아주 어릴 적부터 무대 위에 서려는 꿈을 갖고 있었어요 그러다 보니 꿈을 이루었고 또 생각하지도 못했던 사랑들을 관심들을 마음을 정말 많이도 받고 성장과정을 가져온 것 같아요 어린 시절부터 저에게는 유독 많은 기회들이 있다고 생각해서인지 늘 감사했고 솔직히 신났어요 그럴 때면 미안함이 들기도 했고요 그렇게 시간이 지나 제가 데뷔 이후 성인이 되었고 제가 하는 모든 일은 책임을 져야 한다 실수해서는 안 돼 누구에게나 선택받는 사람이고 싶은 욕심이 생겨 앞만 보고 달려갔어요 제가 아픈지도 모르고 있었죠 그래도 주변에 늘 함께해주시는 좋은 분들 그리고 팬들이 항상 함께였으니까 괜찮은 줄로만 알았어요 미루고 아니라며 괜찮다고 넘겨오다가 처음 2016년 병원을 가보고 나서야 알게 되었어요 저도 마음이 아픈 상태였단 걸 몸이 아프면 약을 먹는 게 자연스러운 것처럼 감기에 감기약을 먹어야 하는 것처럼 늘 단단해왔던 저였기에 우울증과 공황장애라는 진단이 믿기지 않았죠 일 년은 믿지 못 했던 것 같아요 지금은 자연스럽게 이주에 한번 꾸준히 치료받고 있고 나쁘게 생각하지만은 않으려 해요 많은 분들이 함께해주기 때문에 그러다 처음 앞이 뿌옇게 보이더니 푹하고 쓰러졌어요 여러 번 이것도 공황장애 증세 중 하나려나 하고 넘어가려다 의사선생님 말씀에 대학병원에서 뇌파 등 이것저것 검사를 해보고 알게 된 사실은 미주신경성 실신이라는 병이 있더라고요 뾰족한 수가 없는 멍했어요 무대에 서고 싶은데 내가 이렇게 자주 푹하고 쓰러진다면 내가 아프단 걸 알면 누가 날 찾아주려나 제일 먼저 걱정이 앞서서 누구에게도 알리고 싶지 않았어요 근데 비밀이란 게 오랫동안 지켜지면 좋으려만 푹푹 쓰러질 때마다 혼자 속 졸이며 미안하고 또 미안한 마음이 들더라고요 광고나 스케줄 소화 할 때면 행사할 때면 절 믿고 맡겨 주시는 많은 분들께 죄송했어요 그래서 제 마음이 조금이나마 가볍고 싶어 이렇게 솔직하게 얘기하게 되었고 조심스러웠지만 숨기지 않고 용기 내서 얘기해보았어요 앞으로도 씩씩하게 잘 지내려고 노력할 테지만 사람은 완벽할 수만은 없나 봐요 늦지 않았다고 생각하고 제 자신을 사랑하고 보살펴주려고요 지금처럼 용기 내어 솔직할 거고요 읽어주셔서 고맙고 감사합니다

A post shared by Hyun Ah (@hyunah_aa) on


Ásia e a atenção a saúde mental

Nos últimos anos, a discussão relacionada à qualidade psicológica e saúde mental no leste asiático vem aumentando, crescendo gradativamente conforme é dada a devida importância ao tópico. Segundo dados levantados pela OMS (Organização Mundial da Saúde) em 2016, a Coreia do Sul é o 4º país com as maiores taxas de suicídio no mundo, por isso a conscientização cresce e a quebra desse tabu se intensifica. Em documento de 2017, o órgão declara que a última revisão da política de saúde mental realizada na Coreia foi em 2006, mas há a disponibilização de serviços como prevenção ao suicídio e tratamento psicológico facilitados.

Em entrevista ao The Korean Herald, o professor de psiquiatria pela Universidade Nacional de Kangwon, Park Jong-ik, diz que a “atmosfera envolta da saúde mental não é boa em termos de percepção social e investimento governamental no orçamento da saúde pública”. Logo, ele vê a existência de pessoas influentes entre as camadas da sociedade sul-coreanas, dispostas a discutirem e normalizarem a busca por tratamentos, como uma forma de melhorar a conscientização social sobre o assunto.


Leia mais sobre a ligação entre idols e saúde mental no post sobre o setembro amarelo.

Por Bárbara Contiero
Fonte: Allkpop, Instagram
Não retirar sem os devidos créditos.